11 de dez de 2009

Midias Sociais

Mais uma peça no quebra cabeça do marketing


Uma nova opção de marketing vem ganhando cada vez mais força, são as mídias sociais (orkut, facebook, twitter, etc) essa nova ferramenta oferece recursos nunca antes vistos, porém, ainda pouco explorados.
Os profissionais de marketing e de comunicação vêm quebrando a cabeça tentando aproveitar essa nova peça entre as outras duas já existentes, o marketing de massa e o marketing direto, o marketing em cima dessas mídias sociais vem completar o quebra cabeças.
O principal diferêncial da  mídia social é a participação ativa dos consumidores, ao se criar e planejar estratégias de marketing  para as mídias sociais é preciso levar em conta que ela irá ser complementada pelas ações geradas pelos usuários, entregar a informação somente na hora que precisem dela.
As mídias sociais apresentam métricas que podem ser mensuradas de forma exata como tráfego, cliques, vendas, etc. No entanto existem métricas que são mais difíceis de medir e quase impossíveis de serem controladas.
 O grande número de pessoas que acessam a internet, principalmente na era da web 2.0 influência de forma negativa na audiência e credibilidade da TV. Podemos fazer um comparação recente com a chegada da web 2.0, a difusão de idéias e da informação fez as pessoas serem mais questionadoras e não acreditarem em tudo que aparece na TV e isso impactou também na propaganda.  Não deixando de lado que a propaganda ainda é vital para a estratégia de marketing das grandes empresas.
O marketing direto tem como premissa individualizar o cliente através de caríssimos bancos de dados e um alto custo de manutenção, porém é perfeitamente mensurável e previsível. Ele é limitidado somente a alguns critérios de segmentação.
A Mídia social é um meio poderoso, e eficaz em termos de custo. É possível encaixar as peças e montar esse quebra cabeças de forma que cada esforço de marketing complemente o outro.
Então, o que busca entrando nas mídias sociais?
  • Monitoramento contínuo das conversas sobre marcas, produtos e serviços?
  • Participação da empresa nas conversas, criando uma via de duas mãos?
  • Identificar os clientes e estimular aqueles mais entusiasmados a disseminarem mensagens positivas sobre a marca, produto ou serviço?
  • Estimular os consumidores a se apoiarem mutuamente em comunidades?
  • Ajudar os clientes a trabalhar uns com os outros para melhorar seus produtos e serviços?
Seja qual for seu objetivo, o marketing nas mídias sociais requer uma abordagem diferente:
  • O novo marketing é diferente por que nele o diálogo é transparente e natural, com credibilidade;
  • O valor da marca é determinado pelos consumidores;
  • A segmentação é feita através do comportamento, atitudes e interesses;
  • O conteúdo é feito por profissionais e também por consumidores;
  • Marketing é mais do que somente propaganda e branding;
  • As pessoas querem autenticidade;
  • As pessoas querem participar, não propaganda;
  • Em vez de provocar uma interrupção, o marketing entrega o conteúdo apenas no momento em que as pessoas precisam dele;
 Fontes: Midias Sociais , Ueba

Você também pode gostar de:  Origem das marcas, CRM da Sulamérica, Comunicação

8 de dez de 2009

Sansung Lança Celular Sustentável


Samsung apresenta Blue Earth, o primeiro celular ecológico. Pensando em lucrar com a sustentabilidade a coreana Samsung acaba de apresentar o Blue Earth (Terra Azul, em inglês), o primeiro celular ecologicamente correto que chega ao mercado brasileiro já para o Natal. Com valor previsto para R$ 949,00,  o eco-fone ainda possui câmera de 3 megapixels, Wi-Fi, Bluetooth, 3G e GPS.
Com design arrojado e tela sensível ao toque de 3 polegadas, o aparelho é feito a partir de garrafas pet recicladas. Ele ainda possui um painel solar na parte de trás que, ao deixá-lo ao sol ou a luz amarela por uma hora, recarrega sua bateria suficiente para 16 minutos de conversação.
Para manter a aura verde, o Blue Earth vem com alguns programinhas bacanas. Enquanto você caminha, ele conta seus passos, calcula a quantidade de gás carbônico que você deixa de emitir ao não sair de carro e quantas árvores estão sendo poupadas. 
Para desbloqueá-lo, o famoso asterisco (*) perde o seu charme, já, você terá que fechar alguma torneira ou jogar o lixo na lixeira para poder usar o aparelho. 
Dessa forma além de contribuir com a sustebilidade, não precisaremos mais nos preocupar em sair de casa com a bateria descarregada, já a mesma funciona também a luz solar.

5 de dez de 2009

Grupo Pão de Açucar funde com Casas Bahia

"Novo grupo vai faturar no país mais que Wal-Mart e Carrefour juntos.
Estratégia, por enquanto, é manter marcas Casas Bahia e Ponto Frio" (g1.com/noticias)



Negociação
Segundo Pércio Souza, que coordenou as negociações para a operação, as conversas entre as duas empresas tiveram início há cerca de 60 dias, quando Abílio Diniz teria procurado Michel Klein.
O acerto entre Pão de Açúcar e Casas Bahia para a criação de um conglomerado com faturamento anualizado de R$ 40 bilhões será organizado com a criação de novas sociedades entre empresas controladas pelo Grupo Pão de Açúcar e a empresa fundada por Samuel Klein. “Esse é um negócio de ganha, ganha, ganha”, disse Abílio Diniz, presidente do Conselho de Administração do Grupo Pão de Açúcar.
Para realizar a transação, será formada uma nova empresa, que vai concentrar as Casas Bahia, o Extra Eletro e o Ponto Frio - o faturamento dessa nova companhia foi calculado em R$ 18 bilhões. O valor do negócio foi estimado em R$ 4 bilhões, equivalente ao patrimônio aproximado da nova empresa. A expectativa é de que o negócio gere sinergias de R$ 2 bilhões.
 A decisão ainda precisa ser aprovada em assembleia dos acionistas e também pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). 
 A família Klein ficará com 49%  das ações ordinárias dessa nova empresa e o grupo Pão de Açúcar terá 51%. Além das ações, a família ficará com o equivalente a cerca de R$ 4 bilhões. Esse valor inclui as lojas que formam o patrimônio fisico das Casas Bahia, 75% da Bartira (fábrica de móveis) e recebíveis na ordem de R$ 1 bilhão. Além disso, os Klein receberão, da nova empresa, cerca de R$ 130 milhões anuais em aluguel das lojas.
A nova empresa - que deterá cerca de 20% do mercado brasileiro do varejo de bens duráveis - será comandada por Raphael Klein, filho de Michel Klein, que será o presidente do Conselho de Administração. Esse conselho, por sua vez, terá cinco representantes do Grupo Pão de Açúcar e quatro das Casas Bahia.
As operações de comércio eletrônico das empresas também serão unidas em uma nova empresa, chamada Nova PontoCom. Ela vai unir os negócios das Casas Bahia, Grupo Pão de Açúcar e Extra na internet. Entre as ações dessa nova empresa de web, 83% das ações ficarão com os donos do Pão de Açúcar e 17% para Casas Bahia.
O acordo de fusão entre o grupo Pão de Açúcar e a Casas Bahia, anunciado nesta sexta-feira (5), precisa de aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) para se tornar realidade. O órgão é o responsável no Brasil por garantir a concorrência entre as empresas no Brasil.

Fontes: G1, R7





Comerciais Que Não Deixaram Saudades

Inesquecíveis comerciais toscos nos anos 90. Os comerciais que não deixaram saudades nenhuma, principalmente do grupo Imagem e Teleshop, que depois virou Polishop, mais conhecidos como 1406 são verdadeiras pérolas.
A receita do locutor falando sem parar e a "maravilhosa" dublagem que caracterizam esta série, viraram clichê depois disso. Bons tempos em que nossos cérebros eram bombardeados com milhares de frases de efeito com estas peças publicitárias de fundo de quintal.
Vamos rever agora algumas das imortais obras da publicidade vagabunda.

 Facas GINSO A faca indestrutível! 52 anos de garantia!
 
SONIC 2000
O sensacional aparelho de espionagem e bisbilhotagem!


FERRO FRATINA - (011) 1406 - Grupo Imagem Teleshop
O Ferro de passar roupa milagroso!


CANETA PENALY FOUTAIN PEN da Polishop

CONTOUR PILOW,  travesseiro mágico! (rsrsrs)


É evidente que existem muito mais comerciais dessa "linha de criatividade", não é mesmo, mas ao assistirmos esses exemplos, damos graças a Deus, que nosso marketing, nossas agências publicitarias evoluiram.

Você também pode gostar de: Consumidor brasileiro, Marketing Viral, Globalização, Apple



3 de dez de 2009

Ranking das Empresas Campeãs em Reclamações

O Marketing, consiste em satisfazer o consumidor. Esse é um grande desafio para as empresas de serviços, que são responsáveis pela maioria dos contatos "fornecedor x cliente" do mercado.
A organização que tem a coragem de se propor a "servir" e bem o cliente, são realmente grandes empresas.Os hotéis, companhias aéreas, bancos, empresas de comunicação, etc dependem muito de PESSOAS e suas relações. Isto demanda de de muito investimento em treinamento de funcionários, uso da tecnologia e de estratégias que venha satsifazer seu cliente, sem gerar reclamações por insatisfação.
E as grande empresa, que gastam milhões em anúncios, tentando passar uma imagem pereita da marca, mas na hora de agregar valor a sua marca atendendo bem seus clientes não conseguem se quer faze-lo, e o titulo que conseguem é de lideres de reclamações no procon.

Veja o ranking do Procon/SP com as empresas mais reclamadas em 2008 e tirem suas conclusões:



2 de dez de 2009

Comportamento de Consumo no Brasil

Rony Rodrigues e João Cavalcanti, da Box 1824, apresentaram três estágios do consumidor do Luxo no Brasil. 
1) O Luxo do Pertencimento - É uma busca por inserção social, muito visto em países emergentes, como Brasil e China. Adquirir, guardar e mostrar aos outros os produtos de Luxo marcam estes consumidores.
 
2) Consumo da identidade - Não precisa tanto da ostentação e começa a buscar o Luxo da experiência. O Luxo passa a ser recompensatório. 
 
3) Auto-realização - As experiências ganham ainda mais importância. Os consumidores estão mais desprendidos do material. Querem conhecimento.
Fontes: www.mundodomarketing.com.br ; www.box1824.com.br

1 de dez de 2009

Outdoor Extremamente Criativo

Agência de São Paulo, contra o programa do governo de retirar outdoors das ruas, alegando poluição visual




Veja mais propagamandas criativas em nosso arquivo de Imagens  

Você também pode gostar de: